terça-feira, 24 de abril de 2018

Gestão em SST, saúde mental e agrotóxicos estão em pauta em Minas Gerais

A Fundacentro de Minas Gerais e parceiros realizam três eventos nos próximos dias. A Audiência Pública Agrotóxicos – suicídios e doenças ocupacionais é o primeiro deles em 26 de abril, das 14h às 18h. Já no dia 27, ocorre o Tributo às Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho – 2018, durante o período da manhã. Em 2 de maio, acontece o Ciclo de Conferências sobre Saúde e Segurança do Trabalho “Avanços em Gestão de Segurança do Trabalho”, das 14h às 17h30.

Agrotóxicos
O Ministério Público do Trabalho – MPT e a Fundacentro/MG realizam a Audiência Pública Agrotóxicos – suicídios e doenças ocupacionais. Na Ocasião, será lançado o Observatório de Agrotóxicos de MG, que está sendo implementado na área de projetos do portal da Fundacentro e será apresentado no evento por Érico Torres, chefe da regional da instituição em Minas Gerais.
Haverá várias palestras com profissionais de diversas instituições, que abordarão os danos à saúde causados pelos agrotóxicos, o consumo no estado e o plano de redução de uso desses produtos, agroecologia, autuações trabalhistas, direitos e regulação referentes a essa temática.
Para participar da audiência, é preciso se inscrever até 24 de abril por e-mail (rodrigo.arodrigues@mpt.mp.br). O evento ocorre em 26 de abril, das 14h às 18h, no auditório do MPT, localizado na Rua Bernardo Guimarães, 1615, em Funcionários, Belo Horizonte/MG.

A atividade integra o Movimento Abril Verde, que visa fomentar a mobilização em prol da saúde e segurança do trabalhador para reduzir os acidentes e doenças relacionados ao trabalho, envolvendo toda a sociedade. A escolha desse mês se deve ao fato de o Dia Internacional em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho, e também Dia Mundial da SST, ser celebrado em 28 de abril.
Confira a programação completa: 

Tributo às Vítimas
O Tributo às Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho – 2018 será realizado em 27 de abril, das 8h30 às 12h30 no auditório da Fundacentro/MG, localizada na Rua Guajajaras, 40, Centro, Belo Horizonte/MG. Para participar, os interessados deverão enviar mensagem constando seus dados (nome, formação, profissão, telefone e endereço da empresa/instituição, endereço eletrônico atualizado) por e-mail (cursos.fundacentromg@gmail.com). As vagas são limitadas e considerarão a ordem cronológica de envio de inscrição.
O evento homenageará as vítimas de acidentes e adoecimentos relacionados ao trabalho com uma apresentação musical da orquestra de câmara da COINJ-TJMG. Em seguida, será realizada a mesa redonda “Gestão em SST e saúde mental dos (as) trabalhadores (as)”. As incidências mundiais e nacionais referentes à saúde mental motivaram a discussão sobre as repercussões da gestão na saúde mental das trabalhadoras e dos trabalhadores.
O professor João Candido de Oliveira abordará o tema “Gestão em SST no Brasil: tendências e perspectivas”. Oliveira é graduado em História, pós-graduado em Gestão de Recursos Humanos, tecnologista aposentado da Fundacentro e consultor na área de SST.
Já a psicóloga Maria Elisabeth Antunes Lima falará sobre “O estado da arte das pesquisas sobre trabalho e saúde mental”. Lima é mestre em Administração (UFMG), doutora em Sociologia do Trabalho (Universidade de Paris IX) e pós-doutora em Clínica da Atividade pelo CNAM (Conservatoire National des Arts et Métiers, Paris-França). Também é professora titular aposentada pela Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG e professora do Mestrado do Centro Universitário Novos Horizontes.
Por fim a psicóloga Jacqueline Ferreira apresentará a palestra “Vida é trabalho e trabalho é vida!”. Ferreira é mestre e doutora em teoria psicanalítica pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ e educadora da Universidade Corporativa Banco do Brasil.
O evento tem a coordenação técnica da doutora em Serviço Social pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro – UERJ, mestre em Engenharia de Produção pela UFMG, especialista em sociologia e saúde do trabalhador, Maria do Rosário Sampaio, que é tecnologista da Fundacentro/MG.

Cultura de segurança
A Fundacentro/MG, a Universidade Federal de Itajubá – Unifei (Campus Itabira) e o Centro de Estudos e Práticas em Saúde e Segurança do Trabalhador – Ceprasst (UFMG) realizam o Ciclo de Conferências sobre SST “Avanços em Gestão de Segurança do Trabalho”. O evento ocorre em 2 de maio, das 14h às 17h30, no auditório da Fundacentro/MG, localizada na Rua Guajajaras, 40, 13º andar.
A professora do CNAM, Adelaide Nascimento, fará uma palestra sobre cultura de segurança. Ela é doutora e mestre em Ergonomia pelo CNAM, além de mestre em Engenharia de Produção pela Universidade Federal da Paraíba – UFPB. Também professor do CNAM, Yannick Lémonie, falará sobre “Espaços de Discussão e Desenvolvimento da Atividade”. Ele é doutor em Ciências Humanas e Sociais pela Université Paris-Est-Créteil.
Para se inscrever, enviar e-mail (cursos.fundacentromg@gmail.com) até 26 de abril com nome completo e RG. As vagas são limitadas e serão preenchidas por ordem de inscrição. O evento tem a coordenação de Raoni Rocha, da Unifei, Eugênio Hatem Diniz , da Fundacentro/MG, e de Francisco de Paula Antunes Lima, da Escola de Engenharia – UFMG.
Mais informações: 


Nenhum comentário:

Postar um comentário